Secretaria Municipal de Agricultura e Pecuária inicia campanha de vacinação contra a brucelose

A Secretaria Municipal da Agricultura e Pecuária está colocando em prática o levantamento de cadastros de produtores que possuem bezerras com idade apropriada à vacinação contra a brucelose. O médico veterinário, Dr. Maxweel Holanda Diniz, realiza visitas em localidades do município, e esse trabalho se dá a cada seis meses, desde que a propriedade possua fêmeas bovinas aptas à prevenção.

A vacinação contra a brucelose é obrigatória para todas as bezerras com idade entre 3 e 8 meses de vida. O objetivo da vacina é induzir imunidade e proteção contra a doença e diminuir a prevalência da brucelose bovina e bubalina. Quanto maior for o número de fêmeas vacinadas, maior será a imunidade do rebanho, menor o número de animais suscetíveis e menor a possibilidade de difusão da doença.

A brucelose é uma zoonose, causada pela bactéria Brucella abortus e está disseminada por todo o território nacional. Atinge tanto o gado de corte como o gado de leite, e afeta a população de bovinos e bubalinos. A vacina utilizada é a B19 e só pode ser aplicada em fêmeas de 3 a 8 meses de idade. Ao serem vacinadas, as fêmeas recebem a marca V e o último algarismo referente ao ano de vacinação, do lado esquerdo da cara.

- « Voltar